sábado, 6 de agosto de 2016

Olimpíadas: Boxeador acusado de estupro teve de ser preso "por ser estrangeiro"

O boxeador marroquino Hassan Saada, classificado para a disputa dos Jogos do Rio de Janeiro, foi preso na última quinta-feira(04/08) acusado de estupro de duas camareiras na Vila Olímpica, conforme divulgou hoje a Polícia Civil fluminense.
O boxeador, de 22 anos, está inscrito na disputa da categoria até 81 quilos da competição masculina de boxe dos Jogos. A acusação de assédio sexual foi registrada anteontem por duas camareiras da Vila Olímpica.
Segundo o relato recebido pela polícia, o marroquino chamou as duas mulheres para seu quarto sob pretexto de pedir uma informação. Quando elas já estavam no quarto, Hassan teria passado a mão nas pernas e seios das funcionárias, que fugiram do local. A ação aconteceu na frente de dois outros atletas do país.
O mandado de detenção provisória foi expedido pelo Juizado Especial do Torcedor e dos Grandes Eventos do Rio de Janeiro após análise das provas recolhidas pelos investigadores da 42ª DP.
O primeiro combate do atleta nos Jogos estava marcado para a manhã deste sábado, no Pavilhão 6 do Riocentro, contra o turco Mehmet Nadir Unal, mas, como a ordem de prisão tem vigência de 15 dias, isso deve impedir sua participação.
O Cômite Organizador do Rio 2016 informou que foi notificado da prisão, mas que não pode emitir posição ou intervir porque o fato está fora do âmbito esportivo.
Nono no Mundial de boxe de Doha em 2015, Saada conseguiu a vaga nos Jogos Olímpicos em torneio classificatório em Baku, no Arzebaijão, em junho.
No último domingo, um dos funcionários de uma empresa privada contratada para fazer a segurança no interior do Parque Olímpico foi preso sob acusação de estupro a uma bombeira no velódromo.
O vigia foi preso em flagrante, pois teria aproveitado o momento em que a bombeira dormia num alojamento para tocar os seios da vítima.(Terra)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O site Cruz das Almas News coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático.

Obrigado