quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

Polícia prende suspeito pela morte de menino no Réveillon em SP

Por: Veja.com
A Polícia Civil de São Paulo deteve, na noite desta terça-feira (02/01), um suspeito de envolvimento na morte do garoto Arthur Aparecido Bencid Silva, de 5 anos, atingido por uma bala perdida durante a queima de fogos na virada do ano na zona sul da capital paulista. Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, o homem foi levado ao 89 Distrito Policial, no Morumbi, onde foi interrogado. O suspeito não teve a identidade revelada. Arthur brincava com bolhas de sabão no quintal de sua casa quando foi baleado na cabeça e morreu ao chegar ao hospital.
Conforme o jornal, o homem admitiu ter feito disparos para o alto durante a virada do ano. Ele teria sido localizado pela polícia a partir de interceptações telefônicas sobre pessoas investigadas por outros crimes. Uma das gravações mostraria que o suspeito fez disparos na rua onde a criança foi atingida. O homem teria admitido que efetuou disparos no Jardim das Imbuias, em Parelheiros, também na zona sul paulistana, mas em região distante do local onde Arthur foi baleado.
Ainda segundo o Estado de S. Paulo, a polícia vasculhou o carro do suspeito preso, onde encontrou um revólver calibre 38, mesmo calibre da bala que atingiu a criança. Um exame de balística será feito no Instituto de Criminalística para apurar se o projétil partiu da arma. A Polícia Civil pediu à Justiça que seja decretada a prisão temporária do suspeito. O delegado responsável pela investigação afirma que, se o exame apontar que o tiro que atingiu Arthur não partiu do revólver do suspeito, ele será posto em liberdade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O site Cruz das Almas News coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático.

Obrigado