domingo, 19 de novembro de 2017

Professora é presa após obrigar alunos a fazer sexo 'em troca de boas notas'

Por: IG - Ultimo Segundo
Uma professora colombiana está sendo acusada de estuprar seus alunos do ensino médio. De acordo com matéria publicada no Daily Mail , a mulher forçava os adolescentes, de 16 e 17 anos, a fazer sexo com ela em troca de boas notas. Identificada como "Yokasta M", a docente pode ficar até 40 anos na prisão. Segundo o Canal 4 , os casos aconteceram na cidade de Medellín, na Colômbia, entre os meses de janeiro e abril deste ano.
A professora chegava até os estudantes por meio das redes sociais pedindo seus números de telefone “para ajudá-los com a lição de casa”. Yokasta, de 40 anos, usava o WhatsApp para enviar fotos íntimas e propostas sexuais aos alunos. Casada, ela convidava os adolescentes a passar um tempo em seu apartamento, e chegando lá, os jovens eram coagidos a transarem com a mulher sob a ameaça de repetirem de ano, caso negassem.
O crime foi descoberto depois de uma de suas vítimas contar a história aos pais, que tiveram acesso às mensagens e imagens enviadas ao celular do filho. Queixas foram prestadas e a mulher foi presa. Agora, seu marido entrou com um pedido de divórcio e, detida, ela pode ficar até quatro décadas na prisão.

Um comentário:

  1. Atraente essa professora, no meu tempo eu não achava esses privilégios. Estou achando que esse moleque que caguetou a professora aos pais é baitola.

    ResponderExcluir

O site Cruz das Almas News coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático.

Obrigado