quinta-feira, 21 de setembro de 2017

CARAVANA RESPEITA AS MINA PASSA POR CRUZ DAS ALMAS NESTA SEXTA-FEIRA 22

 Por: ASCOM/SPM-BAHIA
A secretária Estadual de Políticas para as Mulheres, Julieta Palmeira, participa da Caravana Respeita as Mina, de enfrentamento à violência contra as mulheres, nesta sexta-feira (22/09), em Cruz das Almas, no recôncavo baiano. A programação começará às oito da manhã, no Centro Paroquial Nossa Senhora do Bom Sucesso, com a realização de três oficinas de capacitação abordando o enfrentamento à violência às mulheres com recorte de gênero e raça. As oficinas são voltadas para a rede de atenção à mulher e rede de segurança, representantes da sociedade civil e também para estudantes da rede pública. 

A Caravana Respeita as Mina, formada por técnicas da Secretaria Estadual de Políticas para as Mulheres (SPM-BA, tem o propósito de engar e sensibilizar a população do local para a importância da luta contra a violência contra às mulheres, buscando o fortalecimento da rede de atenção e também a conscientização da população em geral e principalmente da juventude para as graves consequências do machismo. Durante o evento, o secretário de Políticas Especiais de Cruz das Almas, Pablo Resende, vai assinar o pacto de combate à violência, por meio do qual o município se compromete a criar um comitê de homens para fortalecer a luta contra a violência e desigualdade de gênero. 

AÇÃO ITINERANTE 

A Caravana Respeita as Mina é uma ação itinerante promovida pela SPM-BA em parceria com o Instituto Avon e tem apoio da ONU Mulheres e do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Mulher da Bahia (CDDM). Em Cruz das Almas, a caravana conta com a parceria da Prefeitura Municipal e da Secretaria de Políticas Especiais do Município. Este ano a SPM-BA já realizou nove caravanas: Alagoinhas, Feira de Santana, Juazeiro, Jequié, Lauro de Freitas, Mata de São João, Presidente Tancredo Neves, Simões Filho e Valença. 

A Bahia ocupa a segunda colocação em casos de feminicídio no país, com uma taxa de 9,08 mortes por 100 mil mulheres, segundo pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA). A média nacional é 5,82. De acordo com o Mapa da Violência de 2015 – o último divulgado – o país registra em média 13 casos de feminicídio por dia. Segundo a Secretaria de Segurança Pública foram registrados mais de 10 mil casos de ameaças às mulheres no primeiro semestre deste ano. 

SERVIÇO 

Caravana Respeita as Mina 
Local: Centro Paroquial Nossa Senhora de Bom Sucesso 
Hora: 08h

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O site Cruz das Almas News coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático.

Obrigado