quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Tragédia em Mar Grande: Identificados os primeiros catorze corpos das vítimas do naufrágio

Por: Cruz das Almas News - Fotos: WhatsApp
No início da tarde desta quinta-feira (24/08), o comandante da Marinha Flávio Almeida fez uma revisão do número de mortos e declarou que até o momento, há 18 vítimas fatais confirmadas no naufrágio da lancha Cavalo Marinho l. Horas antes, as autoridades chegaram a informar que 22 pessoas haviam morridos, mas o órgão decidiu considerar apenas os corpos das vitimas que deram entrada junto ao Instituto Médico-Legal (IML) local. 
Já foram identificados até o momento 14 das 18 vítimas do naufrágio. Até o momento, nove corpos foram liberados do Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo baiano,  quatro estão em necrotérios de hospitais e cinco foram trazidos para o Instituto Médico Legal Nina Rodrigues, de Salvador.

São Eles 

1. Davi Martins, 6 meses; 

2. Darlan Queiroz Reis Julião, 2 anos;

3. Dulciana dos Santos Queiroz, mãe de Darlan; 
4. Dulcelina Machado dos Santos, avó de Darlan;
5. Laís Pita Trindade, 20 anos; 
6. Taís Medeiros Ramos de Sales, 33 anos;
7. Thiago Henrique de Melo Muniz Barreto, 35 anos;
8. Antônio de Jesus Souza, 67 anos;
9. Ivanilde Gomes da Silva, 70 anos;
10. Isnaildes de Oliveira, servidora do TJ-BA
11. Lucas de Roudeiros Leão, sem idade até o momento;
12. Rita dos Santos, sem idade até o momento;
13. Rosemeire Novaes Carneiro da Costa, sem idade até o momento;
14. Sandra Lima dos Santos, sem idade até o momento; 

Após um dia inteiro de buscas por vítimas, as polícias Militar, Civil, Técnica e o Corpo de Bombeiros divulgaram, que a investigação continuará na manhã desta sexta-feira (25).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O site Cruz das Almas News coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático.

Obrigado