quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Nota sobre entrega do título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Lula

Por: ASCOM/UFRB
A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) informa que recebeu com surpresa na tarde desta quinta-feira, 17 de agosto, a notificação da decisão do juiz Evandro Reimão dos Reis, da 10ª Vara Federal Cível da capital baiana, na qual suspende a Sessão Solene do Conselho Universitário (CONSUNI) convocado para realizar a entrega do título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva pela instituição.
Essa decisão judicial fere um dos princípios fundamentais das universidades públicas que é a autonomia universitária. Reza a Constituição Federal que “Art. 207 – As universidades gozam de autonomia didático-científica, administrativa e de gestão financeira e patrimonial, e obedecerão ao princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão”. Portanto, a quebra da autonomia universitária gera perigoso precedente, de consequências danosas, para todas as universidades públicas brasileiras.
A honraria ao ex-presidente Lula é um antigo desejo de setores da comunidade universitária da UFRB, pela implicação do seu governo com a expansão e a interiorização do ensino público superior. Oportunamente, com a agenda pública do ex-presidente comunicando passagem pela Bahia e por Cruz das Almas, cinco membros do CONSUNI propuseram a concessão do título honorífico, conforme artigo 9º da resolução CONSUNI nº 006/2011, que regulamenta a concessão de títulos desta natureza.
Após a solicitação da outorga, a Comissão Permanente de Títulos Honoríficos da UFRB emitiu parecer favorável a proposta que foi analisada pelos Conselheiros e aprovada pelo Plenário em sessão ordinária, realizada no dia 11 de agosto, por ampla maioria. A entrega do título em sessão solene do Conselho Universitário foi agendada para o dia 18 de agosto às 11 horas, tendo em vista a presença do agraciado no município.
A UFRB informa que já solicitou que a Advocacia Geral da União (AGU) tome as medidas cabíveis para a alteração da decisão e aguarda o posicionamento do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF), com a certeza de que o respeito à autonomia das instituições de ensino superior público seja preservado e garantido.

7 comentários:

  1. Esse ladrão tem que ganhar um par de algemas e uma cela na papuda.

    ResponderExcluir
  2. Concordo plenamente.

    ResponderExcluir
  3. Se for colocar na cadeia vai ficar cheia porque tanto faz direita e esquerda e tudo bando de merda ai fica oposição e situação querendo desmerece um ao outro

    ResponderExcluir
  4. O reitor e os professores deveriam ter vergonha de idolatrar bandido.um criminoso condenado receber um titulo de honra numa universidade, Coloca todos, professores alunos e funcionários também como condenados pois idolatram um fora da lei.A ufrb provou o baixo nível de seu corpo docente. Só ten comunista.

    ResponderExcluir
  5. esse vagabundo tem gue ta num presidio de seguranca maxima bandido ladrao

    ResponderExcluir
  6. Fiquei com vergonha de ter estudado numa universidadezinha de merda que apoia condenado pela justiça.Tenho vergonha de ser baiano e de ser cruzalmense depois disto. Onde fica a justiça, a legalidade, a ética e a moral. Apoiar o bandido Lula é descer ao mais baixo nível do lixo intellectual. Sempre achei o nível moral desta universidade um lixo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lixo esse que você mesmo afirma ter estudado. Porque não foi para uma universidade particular já que se acha tão bom?

      Excluir

O site Cruz das Almas News coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático.

Obrigado