segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Santa Casa de Cruz das Almas e SESAB assinam contrato para reabertura da unidade

A Santa Casa de Misericórdia de Cruz das Almas e a Secretaria de Saúde do Estado (SESAB), através da Superintendência de Gestão dos Sistemas de Regulação da Atenção à Saúde (SUREGS), assinaram nesta segunda-feira (30/01), contrato para reabertura da unidade. Depois de dois anos e meio fechada, a Santa Casa anuncia que o Hospital Nossa Senhora do Bonsucesso, sob sua gestão, finalmente voltará a oferecer serviços de saúde para a população.  A previsão é que isso aconteça até o mês de março.
De acordo com o documento firmado, serão repassados cerca de R$ 194 mil/mês, o que possibilita a realização de internações de média complexidade e o funcionamento do Centro de Parto Normal (CPN), incluindo o leito do método canguru, considerado um avanço para a humanização das condições do partejar. Podendo chegar a R$ 500mil/mês futuramente a depender da realização de cirurgias eletivas e ortopédicas a serem implantadas, cujo credenciamento já está em trâmite com a SESAB.
Para Natanael Evódio, provedor da Santa Casa, “A assinatura de contrato com o Estado era imprescindível para a reabertura do Hospital Nossa Senhora do Bonsucesso. Sem este apoio, toda a nossa luta estaria perdida. Estamos felizes em poder voltar a oferecer assistência médico-hospitalar de qualidade para a nossa população, mas para isso é necessário firmar contrato com o muncípio também”.
A Santa Casa está em fase final de negociação com a prefeitura de Cruz das Almas para assinatura de contrato, fundamental para a retomada das atividades.

Fechamento – A unidade hospitalar teve suas atividades encerradas em julho de 2014 diante de dificuldades financeiras. Com o fechamento, o Hospital Nossa Senhora do Bonsucesso deixou de realizar 5 mil atendimentos mensais para a população de 14 municípios pactuados. Toda a sua estrutura, com capacidade de 150 leitos, 11 consultórios e centro cirúrgico com 3 salas cirúrgicas equipadas, foi desativada. Mais de 100 funcionários foram demitidos na época. (Andrea Menezes)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O site Cruz das Almas News coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático.

Obrigado