quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Salvador: Passageiro é morto a tiros dentro de ônibus no Engenho Velho da Federação

Um passageiro foi executado dentro de um ônibus na rua Apolinário Santana, Engenho Velho da Federação, no final da tarde desta quinta-feira (11/02). A vítima estava sentada na parte da frente do coletivo, nas cadeiras preferenciais. O ônibus fazia linha Engenho Velho-Nazaré e parou em um ponto perto do posto Shell quando quatro homens em duas motos chegaram, subiram no ônibus e atiraram contra o passageiro. Não houve outros feridos. A vítima ainda não foi oficialmente identificada. Segundo informações, é um adolescente de 17 anos de prenome Brendo. Um irmão dele esteve no local e disse que o rapaz morava em Cosme de Farias, mas preferiu não dar mais detalhes. Um dos rodoviários que estava no ônibus no momento do crime contou aos policiais que o passageiro entrou no coletivo correndo. Alguns metros depois, quando o ônibus voltou a fazer uma nova parada, um homem entrou no coletivo. O suspeito subiu pela porta da frente e não disse nada, mas parecia estar procurando por alguém. Do lado de fora, do outro lado da pista, três suspeitos aguardavam em duas motocicletas. Brendo percebeu a ação e tentou se esconder. Segundo o relato dos rodoviários, ele virou o rosto e inclinou o corpo, tentando evitar a identificação. O bandido já havia desistido e estava descendo as escadas, quando percebeu o pé da vítima. "Ele já estava indo embora, quando viu o pé do cara e aí voltou", contou um dos rodoviários. Segundo os relatos, ao identificar Brendo o bandido teria gritado para os homens que estavam do lado de fora: "Ele está aqui!". Um dos suspeitos desceu da motocicleta, subiu no coletivo e atirou diversas vezes contra o adolescente. Após o crime, os quatro fugiram nas moto, no sentido Engenho Velho. 
A assessoria da Polícia Militar confirmou parte dos relatos em nota afirmando que "um homem não identificado foi perseguido por mais quatro indivíduos armados, no Engenho Velho da Federação. O fugitivo entrou em um ônibus para tentar se esconder, foi alcançado e executado dentro do coletivo", diz a nota. Policiais militares isolaram o ônibus e permanecem no local. O corpo também aguarda remoção. O crime aconteceu por volta das 17h20. O caso é investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). O diretor de imprensa do Sindicato dos Rodoviários, Daniel Mota, diz que o local onde o crime aconteceu é um dos "pontos críticos" da cidade para a categoria. "É um local considerado perigoso pela categoria. Já queimaram ônibus nesse bairro", relembra Mota. "A gente é surpreendido depois de um Carnaval com 1,5 milhão de pessoas circulando sem ocorrências graves nos ônibus, 24h depois do fim da festa a gente é deparado com essa notícia impactante. Matar alguém dentro de ônibus. Os rodoviários estão em pânico", diz. "Vamos em um primeiro momento cuidar desses dois profissionais impactos com a cena. E pedir policiamento, pedir reforço". Em junho do ano passado, um grupo ateou fogo em um coletivo da empresa Integra/Plataforma na mesma rua do crime de hoje, que é a principal do bairro. A ação aconteceu em retaliação à morte de Railan Rosalino dos Santos Braga, 18 anos, morto pela Rondesp em uma troca de tiros na noite anterior.(Correio/Fotos:WhatsApp)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O site Cruz das Almas News coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático.

Obrigado