quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Jornalista e cinegrafista são mortos em transmissão ao vivo nos EUA; imagens fortes

Uma jornalista americana de 24 anos e um cinegrafista de 27 foram mortos durante uma transmissão, ao vivo, em uma cidade da Virgínia, nos Estados Unidos. A entrevistada também ficou ferida, e o momento foi registrado em vídeo gravado por cinegrafista.
O ataque aconteceu na manhã desta quarta-feira (26), por volta das 6h45 (horário local). A repórter Alison Parker entrevistava a empresária Vicki Gardner quando um atirador abriu fogo. No vídeo, é possível ouvir os tiros e a dupla à frente da câmera correndo enquanto as mulheres gritavam.
O atirador fugiu após disparar ao menos seis tiros. A ação foi filmada pelo cinegrafista. No vídeo, a câmera que acompanhava os repórteres cai no chão e captura a imagem de um homem vestindo calças pretas e uma camisa azul e parece estar segurando um revólver.  
Em seguida, a transmissão retorna para o estúdio onde a âncora da emissora WDBJ, Kimberly McBroom, aparece em estado de choque. A ação foi filmada pelo cinegrafista Adam Ward. Ele e a repórter não resistiram aos ferimentos e morreram. 
Já a empresária, baleada nas costas, passa por cirurgia. O atirador fugiu e está sendo procurado pela polícia. O suspeito já teria sido identificado pela polícia, disse a CNN. Em pronunciamento sobre o caso, o governador do estado da Virgínia, Terry McAuliffe, disse que o atirador é um ex-funcionário da emissora.
"Nossos corações estão partidos", comentou o presidente e diretor geral da emissora WDBJ, Jeff Marks. A repórter Alison Parker namorava um outro jornalista que trabalha na mesma empresa. 
"Estávamos juntos há quase nove meses. Foram os melhores nove meses das nossas vidas. Queríamos nos casar. Acabamos de celebrar seu aniversário de 24 anos", escreveu o âncora Chris Hurst em seu Twitter. Já Adam Ward estava de casamento marcado com uma outra produtora do jornal, e planejava deixar o jornalismo.
O suspeito Vester Lee Flanigan morreu no Hospital Fairfax, no norte da Virgina apos ter atirado contra o próprio corpo durante uma perseguição policial, após o atentado. Ele foi capturado e transportado para o hospital em uma ambulância, mas não resistiu aos ferimentos. (Correio)
video


Nenhum comentário:

Postar um comentário

O site Cruz das Almas News coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático.

Obrigado